Adolescente que confessou morte de mãe e filhas sofre tentativa de homicídio dentro de cadeia

Adolescente que confessou morte de mãe e filhas sofre tentativa de homicídio dentro de cadeia

Conforme boletim de ocorrência, adolescente sofreu tentativa de enforcamento com cadarço de tênis e camiseta molhada. Case diz que não fala sobre o assunto por envolver menores de

Leia tudo

Conforme boletim de ocorrência, adolescente sofreu tentativa de enforcamento com cadarço de tênis e camiseta molhada. Case diz que não fala sobre o assunto por envolver menores de idade.

Um dos adolescentes que confessaram a morte de uma mulher e de duas crianças em Capela de Santana, na Região Metropolitana de Porto Alegre, foi vítima de uma tentativa de homicídio dentro do Centro de Atendimento Socioeducativo (Case) de Novo Hamburgo, onde estava internado. O caso aconteceu na noite de quinta-feira (12) e foi registrado por agentes da instituição na madrugada desta sexta (13).
Conforme o relato dos responsáveis pela ocorrência junto à Polícia Civil, o adolescente gritava por socorro em um dos dormitórios. Quando os agentes da Case chegaram ao local encontraram outros dois menores de idade usando um cadarço de tênis e uma camiseta molhada para estrangular o jovem e abafar o barulho.
Conforme o delegado Rogério Baggio, da Delegacia de Homicídios de Novo Hamburgo, o andamento da investigação depende de autorização judicial, e acompanhamento do advogado do Case, uma vez que se tratam de menores de idade abrigados no local.
"Vou ter que pedir autorização da Justiça para poder ouvir os suspeitos do fato, e identificar um eventual outro participante", afirmou o delegado, dizendo que o menor que sofreu a tentativa de homicídio foi isolado dos demais jovens.
Rogério Baggio especula que a tentativa de homicídio do adolescente pode estar relacionada com a brutalidade do crime confessado por eles em Capela de Santana, onde Rosilei Hanauer, de 33 anos, e as filhas Sabrina, de 11, e Ana Vitória, de um 1 ano e 7 meses, foram mortas e tiveram a casa incendiada.
Case disse que não vai se pronunciar sobre o caso por se tratar de uma questão envolvendo menores de idade.
Mãe e filhas mortas
Os adolescentes de 17 anos foram apreendidos e confessaram o crime. Imagens de câmeras de segurança de um posto de combustíveis mostram os dois comprando a gasolina utilizada para incendiar a casa da família, o que ajudou a polícia a chegar aos autores.

Imagens mostram jovens comprando gasolina antes de incêndio em casa em Capela de Santana
O caso é tratado como latrocínio (roubo seguido de morte). Em depoimento, os dois adolescentes disseram que tinham a intenção de roubar os pertences da casa para comprar drogas. Contudo, nenhum pertence foi levado pela dupla, que disse ter se "assustado".
O veículo usado por eles pertencia a um dos suspeitos. Segundo o delegado, ambos estavam sob efeito de drogas quando foram apreendidos. Eles disseram que estrangularam as vítimas antes de colocar fogo na casa.
Adolescente que confessou morte de mãe e filhas sofre tentativa de homicídio dentro de cadeia

Posts Relacionados