Capítulo 154 (Quinta-feira 12/10): Asher é desarmado por Nebuzaradã e acaba preso no calabouço

Capítulo 154 (Quinta-feira 12/10): Asher é desarmado por Nebuzaradã e acaba preso no calabouço

Arioque chega ao palácio e questiona a traição do novo rei

Leia tudo

Sob o comando de Nebuzaradã, Rabe-Sáris e os outros oficiais atacam os guardas do rei. Asher defende Evil-Merodaque. Na casa de Ravina, Joana avisa que precisa sair. Furiosa, Nitócris não consegue abrir a porta do quarto. Nebuzaradã assassina Evil-Merodaque. Amitis se desespera e também é morta pelo chefe da guarda real. Beroso e Aspenaz ficam horrorizados.

Furioso, Asher observa Nebuzaradã assumindo o trono da Babilônia. Sammu-Ramat sorri triunfante. Namnu avisa que Shamiran e as meninas fugiram. Neusta e Ebede-Meleque permanecem na Casa da Lua.

Fassur apresenta um contrato de casamento. Elga estranha. Sammu-Ramat aconselha Nebuzaradã a poupar a vida de Daniel. Hurzabum avisa que a rainha pediu para trancar Nitócris. Joana chega ao palácio e procura pelo seu amado. Asher se recusa a curvar-se diante de Nebuzaradã. Eles lutam. Asher leva a melhor, mas Joana aparece e pede para ele não virar um assassino.

Shag-Shag se espanta ao ver a rainha de Judá na Casa da Lua. Nebuzaradã consegue desarmar Asher e o manda para a prisão. Fassur começa a sentir uma coceira na cabeça. Aspenaz chora a morte da rainha. Nitócris se desespera ao saber do golpe. Beroso diz aceitar o novo rei. Lia fica chocada com os assassinatos.

Joana vai até o calabouço. Lior conhece Benjamin. Nitócris chora a morte de Amitis. Joana se declara para Asher na prisão. Lia e Daniel ficam apreensivos. Shag-Shag oferece ajuda à Neusta. Joana avisa aos familiares sobre a prisão de Asher. Em conversa com Ilana, Dana diz que nenhum homem irá aceitá-la. Zac descobre que o rei está morto. Sammu-Ramat encontra com Asher no calabouço. Arioque chega ao palácio e questiona a traição de Nebuzaradã.

Posts Relacionados