Evolução de um, possível adeus do outro: o que o São Paulo pensa sobre Diego Souza e Cueva

Evolução de um, possível adeus do outro: o que o São Paulo pensa sobre Diego Souza e Cueva

Diego Souza e Cueva vivem momentos diferentes no São Paulo. Vistos como principais nomes do time no começo da temporada, os dois perderam as vagas de titulares com o técnico Diego Aguirre. Embora

Leia tudo

Diego Souza e Cueva vivem momentos diferentes no São Paulo. Vistos como principais nomes do time no começo da temporada, os dois perderam as vagas de titulares com o técnico Diego Aguirre.
Embora sejam reservas, o Tricolor tem nos bastidores avaliações distintas. Os dois entraram no segundo tempo da eliminação diante do Atlético-PR, pela quarta fase da Copa do Brasil.
A impressão no São Paulo é de que Cueva foi mal nos 15 minutos finais do jogo, e Diego Souza teve desempenho melhor avaliado. Ele começou a dar indícios de uma possível volta por cima.
O clube tem agido com o diretor executivo Raí para recuperar o futebol de Diego Souza, marcado principalmente por erros na eliminação diante do Corinthians, na semifinal do Paulistão.
Embora não descarte uma eventual negociação de Diego Souza, caso haja uma proposta, o São Paulo vê indícios de reação do atleta no dia a dia e crê na retomada.
Nenê, um dos atletas mais próximos a Diego dentro do elenco, fez questão de dar um abraço no companheiro ao comemorar o segundo gol do São Paulo contra o Furacão.
Fim da linha para Cueva?
Por outro lado, internamente o Tricolor vê cada vez mais de forma iminente o fim do ciclo de Cueva no Morumbi. A anterior dependência do time ao futebol do meia não existe mais.
A perda de espaço de Cueva contrasta com o crescimento de Nenê, titular absoluto sob o comando de Aguirre e artilheiro do elenco na temporada, com quatro gols.
O desempenho do peruano nos treinos e jogos também não tem agradado a comissão técnica. O próprio atleta, por sua vez, também não está satisfeito com a atual situação e poderá sair depois da participação na Copa do Mundo da Rússia, com a seleção peruana.
Além disso, Diego Aguirre agora tem mais opções para escalar o time. Everton, ex-Flamengo, poderá estrear domingo contra o Ceará, pelo Brasileirão. Valdívia e Lucas Fernandes também têm ganhado espaço com o treinador.