Rueda cobra eficácia no ataque e entende crítica dos torcedores: "Eles têm razão"

Rueda cobra eficácia no ataque e entende crítica dos torcedores: "Eles têm razão"

torcida do Flamengo não gostou do empate por 1 a 1 no Fla-Flu desta quinta-feira, no Maracanã. Após o apito final, muitos torcedores protestaram e chamaram o time de "sem-vergonha". Embora com defesa

Leia tudo

torcida do Flamengo não gostou do empate por 1 a 1 no Fla-Flu desta quinta-feira, no Maracanã. Após o apito final, muitos torcedores protestaram e chamaram o time de "sem-vergonha". Embora com defesa de seus comandados, o treinador do Flamengo, Reinaldo Rueda, não tirou a razão de os torcedores estarem insatisfeitos.
- Eles têm toda razão (em protestar). Eles querem que o time ganhe. Nós também. Tomamos gol contra, coisa imponderável no futebol, mas tivemos coragem, reação. Pelo resultado, têm razão em protestar, mas pela entrega, não. Mas essa é a exigência do Flamengo, o sentimento, a paixão, eles estão com todo direito - disse o treinador colombiano.
O empate manteve o Flamengo distante do G-4. O time permanece em sétimo lugar, com 40 pontos. A sete do Cruzeiro, terceiro colocado, e seis do Grêmio, que tem 46. Apenas os quatro primeiros avançam para a fase de grupos da Libertadores.
Rueda explicou por que deixou Guerrero, Trauco e Cuéllar no banco, embora tenha relacionado o trio para a partida. Os jogadores voltavam de compromissos com as seleções peruana e colombiana pelas eliminatórias da Copa do Mundo. Guerrero e Trauco entraram durante a partida. A dupla saiu do Maracanã sem dar entrevistas.
Os jogadores da seleção chegaram na madrugada, às 6h. Cuéllar chegou ao meio-dia, houve atraso. Por isso não podíamos expor os atletas a um risco de lesão. Se precisássemos, jogariam poucos minutos, como aconteceu - afirmou Rueda.
Penso que temos que avaliar a posição do Flamengo no final do torneio, não podemos nos precipitar, dar sentença hoje. Estamos fazendo transição muito difícil. Não conseguimos ganhar jogos importantes, que recobrem a confiança e que justifiquem tanto investimento e trabalho que fazemos. Mas sou da opinião que não devo falar em frustração neste momento. Faltam muitas rodadas e temos a oportunidade de reagir para alcançar a vaga na Libertadores.

Posts Relacionados