Sport bate Vitória fora e volta a vencer após nove rodadas

Sport bate Vitória fora e volta a vencer após nove rodadas

O Vitória continua decepcionando ao jogar em seus domínios. Nesta quinta-feira, a equipe enfrentou o Sport , em duelo válido pela 27ª rodada do Campeonato Brasileiro e perdeu por 2 a 1. Os dois times

Leia tudo

O Vitória continua decepcionando ao jogar em seus domínios. Nesta quinta-feira, a equipe enfrentou o Sport , em duelo válido pela 27ª rodada do Campeonato Brasileiro e perdeu por 2 a 1. Os dois times buscavam a vitória para afastar a ameaça de rebaixamento. Os gols foram marcados por Diego Souza, que não balançava as redes na primeira divisão há 12 rodadas, e Reinaldo Lenis, para o Sport, enquanto Tréllez marcou para os mandantes.

Com o resultado positivo, os comandados de Vanderlei Luxemburgo reencontraram o caminho das vitórias na disputa, já que não venciam desde a 17ª rodada, e somam agora 33 pontos, respirando um pouco na luta contra o descenso para a Série B. O Vitória estacionou nos 32 pontos e continua embolado no meio da tabela.

Na rodada seguinte da competição nacional, os baianos viajam até o Pacaembu para enfrentar a equipe do Santos, que está na parte de cima da tabela, às 20 horas (horário de Brasília) da próxima segunda-feira. O Leão da Ilha do Retiro, por outro lado, recebe o Atlético Mineiro, que venceu o São Paulo nesta rodada, às 17 horas (horário de Brasília) deste domingo.

O jogo - O torcedor do Vitória já tinha motivos para se preocupar antes mesmo do apito inicial. Com aproveitamento de apenas 23% dos pontos jogando em casa, a equipe é a pior mandante do campeonato. Logo no primeiro minuto de jogo, a preocupação ficou ainda maior: após boa jogada trabalhada pela esquerda, André não pegou bem na bola e desperdiçou a chance de abrir o placar.

A falta de criatividade dos donos da casa refletia na proposta de jogo, com muitos chutões e lançamentos da defesa para o ataque. O Sport, buscando se aproveitar disso, ia atrás do seu primeiro gol: Diego Souza, após boa troca de passes pela direita, carregou pelo meio e chutou rasteiro, obrigando Caíque a se esticar para colocar a bola em escanteio.

Os mandantes até tiveram boas chances na primeira etapa, em finalizações de Fillipe Soutto e Yago, mas quem oferecia mais perigo ao gol era o adversário. Depois de cruzamento de Patrick, André escorou de cabeça dentro da área. Caíque, que já caia para o lado oposto do cabeceio, conseguiu se recuperar e fazer ótima defesa, evitando o gol dos pernambucanos.

O volume de jogo ofensivo do Sport enfim traduziu-se em gol aos 45 minutos da etapa inicial. Em cobrança de falta, Diego Souza, capitão do Leão, bateu de maneira primorosa e não deu chances ao arqueiro do Vitória, inaugurando o marcador.

No segundo tempo, o ritmo da partida diminuiu. Os donos da casa continuavam com dificuldades na articulação de jogadas e não assustavam o goleiro Magrão nas chegadas ao gol. Os visitantes, por outro lado, apenas administravam a importante vantagem no placar.

Aos 20 minutos do segundo tempo, a estrela de Diego Souza voltou a brilhar. Em contra-ataque, o principal destaque da equipe leonina recebeu passe em profundidade, avançou até a grande área e só cruzou rasteiro para Reinaldo Lenis completar para o gol vazio, fazendo o 2 a 0 e dando conforto aos pernambucanos na partida.

O Vitória, precisando desesperadamente do gol, foi com tudo para cima. O resultado da mudança de postura veio aos 38 minutos do segundo tempo: após cruzamento na área, André Lima cabeceou para trás. De primeira, Tréllez, na entrada da área, pegou de primeira e mandou para o fundo das redes.

Com o 2 a 1, o Sport limitou-se a ficar na defesa nos minutos finais, apostando no contra-ataque, enquanto os donos da casa iam atrás do empate. Perto dos acréscimos, o atacante André Lima levou dois cartões amarelos praticamente em sequência, o que atrapalhou a tentativa de reação do Vitória, que saiu do Barradão com mais uma derrota.



Posts Relacionados