Youtuber desabafa após implante nos glúteos dar errado: "Eu preciso voltar a andar!"

Youtuber desabafa após implante nos glúteos dar errado: "Eu preciso voltar a andar!"

A youtuber Camilla Uckers, que no final do ano passado realizou uma série de cirurgias plásticas, desabafou aos seus seguidores nas redes sociais após sofrer complicação com próteses nos glúteos e precisar retirar os implantes.

Leia tudo


Youtuber desabafa após implante nos glúteos dar errado: "Eu preciso voltar a andar!"

A youtuber Camilla Uckers, que no final do ano passado realizou uma série de cirurgias plásticas, desabafou aos seus seguidores nas redes sociais após sofrer complicação com próteses nos glúteos e precisar retirar os implantes.

De acordo com Camilla, a cirurgia afetou seu nervo ciático e ela teve infecção generalizada. "Eu estava no Rio de Janeiro quando começou a sair pus da minha bunda e o médico falou que ou eu tirava a prótese ou morreria", contou na madrugada desta sexta-feira (12) na ferramenta Stories, do Instagram.

Ao voltar para Fortaleza, uma ambulância esperava a humorista no aeroporto e a encaminhou direto para o hospital. Internada, Camilla precisou tirar a prótese para se recuperar. "O médico disse que eu posso colocar de novo se eu quiser, mas eu não quero mais", explicou.

Ela ainda acrescentou que fará acompanhamento psicológico: "Estou com problemas de aceitação do meu corpo, de como minha bunda antiga é. Eu estou tentando me recuperar, me reerguer. É muito difícil passar por isso", desabafou.

Youtuber desabafa aps implante nos glteos dar errado

Por conta da inflamação no nervo ciático, a youtuber não consegue andar direito e conta que sente muitas dores na perna e no pé. "Se algum neurocirurgião puder me ajudar, eu preciso voltar a andar", concluiu.

Em sua conta do Instagram, Camilla postou fotos dos hematomas e do momento em que foi internada. "Que sirva de lição para vocês se aceitarem como são".

Camilla iniciou sua carreira na internet em 2010, já realizou trabalhos como cantora, humorista e influenciadora digital. Atualmente ela faz shows de comédia por todo o Brasil.

Entenda os cuidados e riscos do procedimento

Em entrevista ao portal da RedeTV!, o doutor Eduardo Kanashiro, cirurgião plástico da Clínica Due, explicou que "as orientações variam de cirurgião para cirurgião", mas alguns cuidados são sempre recomendados no pós-operatório: repouso relativo, cuidados redobrados com a higiene local e a utilização dos medicamentos indicados pelo médico.

Já o doutor Francisco Tribulato, membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica e parceiro da Sinclair (empresa internacional de dermatologia estética), destacou ao portal da RedeTV! que "é preciso ter cuidado extra com a higiene íntima, pois a cicatriz está muito próxima a áreas potencialmente contaminadas", além de evitar fazer esforço: "Como esta é uma região onde a prótese fica entre os músculos do glúteo, sempre que há movimento há também atrito da musculatura com a prótese, por isso recomendamos o período de dois meses sem atividade física ou movimentos bruscos".

Tribulato ainda explica que, entre as complicações com próteses de silicone, o maior índice de infecção é justamente com as próteses de glúteo: "Exatamente por estarem muito próximas às regiões com alto índice de contaminação, como ânus e vagina. Até cinco anos atrás, esse índice estava em torno de 20% do total, mas as técnicas e cuidados evoluíram muito ao longo do tempo, fatores que contribuíram para a redução dos casos de infecção ou qualquer complicação no pós".

O especialista também explica que não há problemas em realizar muitas cirurgias plásticas ao mesmo tempo desde que alguns critérios sejam considerados: "Desde o porte dos procedimentos até a dinâmica da equipe médica, passando pelo estado geral do paciente e de como está fluindo todo o processo. Existem equipes muito bem alinhadas que conseguem realizar associações cirúrgicas de maneira bastante segura e outras que preferem operar apenas uma região de cada vez".

O cirurgião da Clínica Due ainda aponta os riscos que uma complicação, como infecção, pode gerar nesses casos: "Uma infecção cirúrgica sempre é preocupante, pois pode comprometer não apenas a região operada, mas se disseminar pelo organismo. No caso da prótese glútea, essa complicação pode, ainda, acometer o nervo ciático e, eventualmente, causar alguma sequela motora".

Quanto a ser submetido a novos procedimentos, o doutor Tribulato diz que é necessário aguardar pelo menos seis meses (até que a infecção seja totalmente extinguida) para operar o local novamente.

Youtuber desabafa aps implante nos glteos dar errado